jump to navigation

Romeu e Julieta January 31, 2013

Posted by paulolanzeloti in Uncategorized.
Tags:
trackback

Essa é a minha adaptação e visão sobre uma das mais românticas, dramaticas, tristes e trágicas histórias de amor de todos os tempos, Romeu e Julieta.

O enredo da história é simples, duas pessoas, separados por uma classe social e uma rejeição da familia. O amor é maior que tudo e supera, porém, tem um final românticamente trágica.

Como podemos levar esta mensagem á nossas vidas, como cristãos? 

No meu ponto de vista, posso associar facilmente com nossa realidade de seguidores de Cristo. Até porque, já tive experiência com este caso. Antes de entrarmos para o mérito da questão, vamos lançar uma pergunta no ar.

“É possivel duas pessoas de fé diferente ser felizes no amor?” 

A minha resposta honesta é: sim, é claro que é possivel.

Nenhum cristão inteligente vai negar que existe pessoas que se dão bem no casamento no mundo lá fora. Agora, vou aprimorar minha resposta.

É possivel sim que duas pessoas que se amam, vencer suas diferenças e serem felizes, porém, apenas em vida. Porque um vai completar a carne do outro, o coração vai ser completo, o sentimento fortalecido por amor e a vida será mais feliz. Porém, a complicação acontece quando entra a questão do Espirito. É facil duas pessoas que se amam alimentar a carne, a dificuldade mesmo é alimentar o Espirito, pois como podemos alimentar a fé de um, sem ter a mesma?

É muito complicado manter o mesmo foco, se a visão é diferente. Enquanto um luta por um lado, o outro luta por outro. Há 3 possibilidades, um dos dois será salvo, ou os dois serão salvo no final ou os dois perderão a salvação. Tudo depende de quem for mais forte. O mais forte ou se salva sozinho ou convence seu parceiro a vencer com ele, ou vice versa, no caso de se perder. O mais forte pode fazer o mais fraco perder, ou perde sozinho.

Então como saber se vale a pena lutar por alguém que não tem a mesma fé? É questão de sabedoria.

Vamos comparar a Romeu e Julieta. Eles se amavam, era perfeito, o amor venceu tudo, mas no final, por conta do sentimento, da emoção, os dois morreram. Se olharmos com olhos espirituais, podemos perceber que, do que adianta viver um amor lindo e perfeito, mas os dois morrer no final? Perder a salvação juntos? 

Do que me é vantagem ser feliz em vida, para sofrer após a morte? 

A nossa sabedoria diz, o sentimento é forte, e o coração é enganador, quem tem a sabedoria, pensa nas consequencias, usam a mente. Vamos á alguns pensamentos.

Você é uma pessoa com sabedoria, pense bem, você será feliz sabendo que seu parceiro não quer aceitar Deus em sua vida? Sabendo que ele irá perder a salvação? A maior felicidade vai ser trazer ela para Deus, com certeza, mas como não depende de seus esforços, e sim da parte dela, como você vai saber se conformar?

É um sofrimento atoa. Pois o amor é apenas um sentimento. Não se engane, é tudo mil maravilhas, mas o sentimento só é forte quando alimentado. Imagina um final alternativo para Romeu e Julieta. E se Julieta visse Romeu morrendo e respondesse “meu amor, era mentirinha, quer que eu morra contigo? sai fora!” Realmente, seja sincero, acha que ela futuramente não teria achado outro amor sincero? 

Muitas vezes sentimos a dor da separação, e por isso optamos para arriscar tudo, mas a pessoa que pensa na sua salvação, não pensa com o coração, pensa com a mente e não coloca sua salvação á risco, enfrenta a situação forte, com fé em Deus e lança fora as possibilidades de ter algo afastando ele de seus principios e sua fé.

“Vê, pois, que a luz que está em ti não sejam trevas. Se, pois, todo o teu corpo estiver na luz, sem mistura de trevas, ele será inteiramente iluminado, como sob a brilhante luz de uma lâmpada.”
Lucas 11:35-36

O texto acima afirma que devemos vigiar para que não nos corrompemos. Quem está na luz, não se mistura com as trevas, pois isso é impossivel. Duas opções, ou a luz vira trevas ou as trevas viram luz. O processo não é facil, vai de cada um tomar sua decisão, mas vigia nas suas decisões. Pois entenda uma coisa, quem está firme na luz, enxerga tudo, pois está bem claro, mas quem está nas trevas, não tem recurso para enxergar, pois está tudo escuro e a escuridão cega.

Você quer ter um amor que nem Romeu e Julieta? Lutar contra tudo e todos mas viver o seu amor incondicional, mas morrer no final ou quer colocar sua vida nas mãos de Deus e confiar que Ele vai cumprir com sua palavra?

Deus quer o melhor para nós, somos nós que não temos a paciência de esperar o bolo sair do forno. Comer escondido e na pressa, só queima seu dedo, sua boca.. Agora, quem espera, come na mesa com o Pai.

Que Deus abencoe.

 

Obs: pode repercutir ou usar como enredo de peça, video, filme, tem minha autorização, só peço que põe meus créditos pela adaptação.

Comments»

No comments yet — be the first.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: