jump to navigation

Ah que dias! A minha experiência. April 25, 2011

Posted by paulolanzeloti in Uncategorized.
trackback

Eu ainda não tive a chance de contar para todos vocês como foi a minha experiência durante esses 21 dias de jejum, e agora, uma semana depois, relato aqui a minha jornada.

No começo do jejum, eu comecei a escrever as minhas experiências, e a cada dia eu escrevia algo novo para postar no blog, mas não cheguei a postar. E por ser paginas e paginas de texto, vou apenas resumir aqui. Na verdade, eu quero colocar, mas vejo que passou o timing, então vou postar apenas o primeiro e segundo post, e o resto vou resumir aqui. (vejam abaixo os posts)

A minha vida mudou quando eu decidi mudar ela, decidi entrar de cabeça neste propósito, algo que nunca tinha acontecido antes, vi a oportunidade e agarrei. Na primeira semana eu estava firme, orando, jejuando, evitando o máximo de lazer, e em momento algum entrei no meu facebook, twitter ou msn pessoal. Só fiz mesmo o necessário, ouvi músicas da igreja direto, nada secular, realmente me entreguei de corpo alma e espírito, parei com tudo. Meus pensamentos estavam voltados a Deus.

E ai veio os problemas, logo na primeira semana já veio um ponto negativo, fui afetado onde mais dói, e chorei muito, mas logo depois senti que Deus era comigo, jamais desisti. Continuei firme, amargurado e angustiado, eu confiei em Deus. No primeiro domingo do propósito, eu chorei, eu chorei muito, eu chorei porque eu estava limpando o meu coração. Eu voltei na reunião das 18hs, e antes de começar, das 17hs ás 18hs, eu fiquei sentado no salão da igreja, ouvindo musicas cristãos, e de olho fechado, orando, chorando, clamando. Chorei de molhar o chão, a camisa toda, mas com uma paz dentro de mim.

Participei da reunião, tava limpo. Eu sabia que podia confiar em Deus, ainda com problemas, eu continuei firme. Ouvindo a palavra do bispo todo dia, indo para a igreja todos os dias, e na segunda-feira eu fiquei sabendo que teria santa ceia na quarta. Aquilo me deu um animo maior que posso expressar. Eu criei uma determinação e disse, quarta feira é o dia, eu me preparei todo para a santa ceia, fiquei todo animado. Chegando quarta feira dia 06, eu entrei na igreja com toda fé, “hoje é o dia!”.

Busquei e tava tudo normal, participei da ceia, e durante a oração, o pastor chamou na frente quem queria receber o Espírito Santo, e eu fui, e eu clamei, e eu busquei, e eu joguei a mão para o alto, e o Pastor colocou a mão sobre minha cabeça, e no mesmo momento eu senti uma alegria, uma renovação, e uma certeza, e uma forte voz rindo e dizendo “meu filho, o que você ta fazendo aqui na frente? Você já ta batizado, você já é meu, tenha certeza disso.” E eu comecei a rir e chorar ao mesmo tempo.

Senti algo maravilhoso, foi perfeito, e nunca esqueço esse dia. Foi algo que nunca senti antes, mesmo nestes 22 anos de igreja, 9 anos de obreiro. Eu sai no meio da rua, sorrindo, e cantando, e todo feliz, e um cara no meio da rua, aleijado, olhou para mim e gritou, “aêê muleke!” e eu percebi que havia uma diferença em mim. Eu entrei no metro e todo mundo olhando pra mim, sorrindo, chorando, cantando, e eu tranqüilo, na fé, andei de um lado para o outro, atravessei o vagão cantando, dançando, e orando em pensamento por quem não estava entendendo nada, kkkkkk!

A partir deste dia, eu mudei minha visão, mudei tudo que havia dentro de mim, pois antes eu era um cara nervoso, eu era briguento, eu dava murro na parede, eu brigava a toa, puxava briga, e gostava de ser revoltado, gostava de assustar os outros, e tudo isso mudou. Hoje sou feliz, e estou na paz. Nas outras 2 semanas eu continuei firme, sem entrar nas minhas coisas pessoais. E eu fui renovado, tive minha luta, mas venci.

Fui aprender outras lições, em qual vou falar nos próximos posts. Porque a luta não acabou por ai não, isso foi apenas o começo, a minha luta, o meu deserto, estava para começar exatamente no dia 17, o dia do derramamento. Neste mesmo dia, eu entrei no deserto, e estou passando por ele, mas com tudo que tenho eu digo,

AH QUE DIA!

Comments»

No comments yet — be the first.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: